A aparência do cabelo pode influenciar a sua qualidade de vida.

Em nossa eterna busca para ajudar pessoas a terem uma vida melhor, encontramos um excelente artigo na internet e resolvemos reforçar alguns pontos. O artigo original pode ser lido em: Queda de cabelo por estresse atinge mulheres.

Para os que pensam que esse tema é uma questão “Psicológica” está muito enganado.

Pesquisas recentes mostram que se a aparência do seu cabelo estiver ruim (muita queda, pouco crescimento/volume/brilho) é muito provável que seu organismo está deficiente de alguns nutriente importantíssimas para se ter uma boa saúde.

Estamos falando basicamente das vitaminas e minerais:

  • Cálcio
  • Ácido Fólico
  • Zinco
  • Cromo
  • Vitaminas A, B1, B2, B3, B6, B12, C, D3, E

Esses nutrientes, apesar de agirem diretamente na qualidade de seu cabelo, também atuam em outras áreas do corpo como visão, coordenação motora, resistência óssea e muito mais.

Também é sabido que com o passar dos anos nosso organismo vai perdendo a capacidade de absorção desses nutrientes. Veja este artigo que trata detalhadamente o tema: Você é o que você come!

Agora voltando ao tema “Saúde psicológica”, em pleno século 21, já está mais do que comprovado que nossa mente é responsável por grande parte dos problemas que passamos hoje.

Então por exemplo, se você se olha no espelho todo dia e não está feliz com seu cabelo, é lógico que sua auto-estima não ficará legal e por consequência diversas outras áreas de sua vida serão impactadas (relacionamentos, trabalho, etc.).

Você já notou como mudamos totalmente nosso humor (e conquistamos melhor nossos objetivos) quando estamos nos sentindo bonitos ao olhar no espelho?

Eu confesso que tenho prestado muita atenção nisso ultimamente e é completamente verdade.

Nos dias que consigo deixar meu cabelo (e minha maquiagem) exatamente como eu quero, as coisas fluem muito melhor em minha vida.

O oposto também acontece ..

Quando saio de casa não totalmente satisfeita com minha aparência, tudo parece ser mais difícil.

Então definitivamente, se me acho bonita, o mundo ao meu redor fica mais bonito e gostoso de se viver.

*Aproveitando, se você é daquelas que adora se manter bem informada sobre moda e beleza feminina, tem um excelente blog que sugiro acompanhar: A Mais Linda.

Perceba que não estou dizendo que você deve ser refém ou fazer de tudo pela sua aparência (principalmente cuidado com os tratamentos e procedimentos malucos que existem por ai).

O que estou dizendo é que não podemos subestimar nossa beleza pois ela tem impactos significativos em nossas vidas.

Quando digo “Beleza” me refiro não só a parte externa mas também ao nosso interior.

Pois independente se você possui uma beleza “reconhecida pelos padrões”, você se achar bonita é o mais importante.

Estou cansada de ver mulheres lindas que não se sentem confortáveis ao olhar no espelho da mesma maneira que tem mulheres totalmente fora dos padrões que são 100% felizes e confiantes com sua aparência.

Não se apegue aos que os outros (ou a televisão) fala.

Procure se sentir bem com você mesmo independentemente dos outros.

Voltando ao tema Cabelo, gostaria de dar uma dica: Se você não está feliz com suas madeixas, procure por vitaminas que agem “de dentro para fora” em seu organismo.

Esses produtos são super fáceis de tomar, baratos e tem principalmente os benefícios:

  • Redução da queda de cabelo
  • Aceleração do crescimento
  • Maior volume e brilho dos fios
  • Unhas mais fortes e saudáveis
  • Rejuvenescimento de pele (pois estimulam a produção de colágeno).

Uma dica final de leitura complementar é este excelente texto que trata Como o cabelo pode influenciar a autoestima feminina.

Por hoje vou ficando por aqui.

Espero que este texto sobre “Saúde física e mental ligadas ao cabelo” tenha ajudado você a ser uma pessoa melhor.

Tenha uma excelente semana e acima de tudo, seja feliz!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *